Palavra do Pastor

Pedágio para ir para o céu?

Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim. João 14:6

“Algumas instituições religiosas” e “autoridades eclesiásticas”, desprezam completamente este princípio e montaram pedágios no caminho, principalmente agora, aguardando seu 13* salário. Trazendo celebridades para o templo, promovendo campanhas diárias com apelos em seus slogans e tudo isso com ingressos e bilheteria na porta. #pagarcomvisaémuitomelhor.

Já viu este filme?

Você sabe mesmo se Deus esta recebendo sua oferta? Não quer saber? Tudo é questão de escolha, caso não queira saber a respeito pare de ler este, caso queira conhecer melhor o que diz a Palavra de Deus, a mesma que nos orienta a dizimarmos e ofertarmos por fé e amor a obra continue lendo e repasse, caso concorde.

Mateus 5:23,24: Portanto, se estiveres apresentando a tua oferta no altar, e aí te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti, deixa ali diante do altar a tua oferta, e vai conciliar-te primeiro com teu irmão, e depois vem apresentar a tua oferta.

JESUS revelou um princípio que governa o ato de ofertar: Quando formos apresentar-nos a DEUS com uma oferta e lembrarmos que um irmão ou uma irmã em CRISTO tem algo contra nós, devemos primeiro nos reconciliar com a pessoa e só então trazer a oferta.

Este princípio revela um aspecto muito importante a respeito das ofertas, que é muitas vezes esquecido ou subestimado. O nosso relacionamento com DEUS é tão imprescindível, quanto o que mantemos com outros membros do Corpo de CRISTO.

Se por um desentendimento criamos uma brecha em nosso convívio com um membro da família de DEUS, não poderemos aproximar-nos do SENHOR com a nossa oferta, pois ela não será aceita.

No texto em questão, JESUS não diz: “Se você tiver algo contra o seu irmão ou irmã”. Ao contrário, ELE afirma: Se o “Seu irmão tem algo contra você”. Se alguém nos maltratou e temos uma queixa contra esta pessoa, devemos perdoá-la. CRISTO afirma também: “E quando estiverem orando, se tiverem alguma coisa contra alguém, perdoem-no, para que também o PAI celestial lhes perdoe os seus pecados”. Marcos 11:25.

Se nos lembramos de algo que fizemos ou falamos que entristeceu alguém, se ofendemos uma pessoa com palavras ou com ação, devemos procurá-la e reconciliar-nos com ela. Temos de pedir perdão e, se possível, compensar os nossos atos. Só depois de reconciliarmo-nos com o irmão em CRISTO é que estaremos aptos a comparecer diante de DEUS com a nossa oferta e ELE a aceitará.

DEUS não está interessado em que cumpramos um ritual religioso de contribuição. ELE não busca sacrifícios, mas deseja que as nossas ofertas estejam baseadas em nosso relacionamento com ELE. Amar a DEUS de todo o coração, de toda a alma e de todas as forças e amar ao próximo como a nós mesmos “é mais importante do que todos os sacrifícios e ofertas” – Marcos 12:33.

Se sua oferta é para manter a casa de Deus julgo importante saber se está será realmente aceita para quem o teu coração deseja ofertar. Caso sua oferta é por medo e pressão psicológica adquirida para religiosidade que tal começar a entender melhor o que realmente diz a Bíblia.

Tem dúvidas? Leia a Bíblia e pare de cometer sacrifício de tolo. Sua oferta é para agradar a Deus? Barganhar com Deus? Ou para agradar aos homem?

Pense nisso… Jesus veio para nos salvar, curar, libertar da escravidão, do julgo humano e não para nos tirar a inteligência. Não existe igreja perfeita, é verdade, mas também não é a instituição ou placa da igreja que te levará para o céu.

Pr. Jorge Humberto ( Jóka )
Igreja Vida Nova em Cristo – vidanovaemcristo.com.br
Av. São Lucas, 370 – Parque São Lucas – São Paulo / SP

Topo

Deixe uma resposta

Campo Obrigatório *.


Topo

Receba nossa Newsletter

Quer saber sobre tudo que acontece na Vida Nova em Cristo, como eventos,
ministrações, palestras e tudo mais? É só se cadastrar.